domingo, 19 de abril de 2020

Pequenos passos, avanços possíveis






Muito tem se falado sobre os dias difíceis que estamos vivendo, sentimentos de medo, insegurança, ansiedade em relação ao futuro... E ontem me lembrei de um trecho do livro "A Sala das Chaves Antigas" de Elena Mikhalkova, que é perfeito para esse momento e pode trazer muito conforto e paz. Principalmente para aqueles que estão oprimidos e sufocados por um mar de informações e recomendações, achando que precisamos obrigatoriamente estar produtivos, estudando, sendo fitness, elegantes, sendo mães e pais perfeitos e com a casa impecavelmente organizada, afinal... Temos tempo...



"Minha avó uma vez me deu uma dica:
Em tempos difíceis, você avança em pequenos passos.


Faça o que você tem que fazer, mas pouco a pouco.


Não pense no futuro, nem no que pode acontecer amanhã. 


Lave os pratos.
Retire o pó.


Escreva uma carta.


Faça uma sopa.


Você vê?
Você está avançando passo a passo.
Dê um passo e pare.
Descanse um pouco.
Elogie-se.


Dê outro passo.
Depois outro.
Você não notará, mas seus passos crescerão cada vez mais.
E chegará o tempo em que você poderá pensar no futuro sem chorar."

Elena Mikhalkova 
Em “A Sala das Chaves Antigas”


_________________________________________________________________

Cada pessoa é única em seus valores, pensamentos, medos, angústias e sonhos. Cada um de nós sente e reage de uma forma diferente frente às mesmas situações e isso deve ser preservado e respeitado. Alguns se sentirão bem fazendo nada, outros (como eu) sentem a necessidade de manter a rotina e estar produtivos, outros querem fazer desse momento uma oportunidade de descobrir coisas novas, ler, estudar... E tudo bem pra todo mundo! Percebo que com tudo isso que está acontecendo surgiram algumas receitas infalíveis e forma única de se lidar com a situação, quando cada um deveria apenas lidar da forma possível, fazer o que lhe traz paz. 

Aqui em casa não temos receita, temos dias que se alternam de acordo com o nosso ânimo, humor e estado emocional. Estamos todos em casa há 32 dias, saindo somente em casos estritamente necessários. Eu e meu marido estamos trabalhando normalmente em home office, ele gravando aulas e atendendo as necessidades da faculdade e alunos em tempo integral; e eu com meus trabalhos e assessoria de marketing digital para os meus clientes, produções do atelier e a tarefa mais complexa de todas: mãe, professora e pedagoga... rsrsrsrsr. 

Tenho aproveitado que não temos horários rígidos e não podemos sair, para estudar, pesquisar algumas coisas que gosto e nunca tinha tempo: fotografia, lettering, bible journaling, aquarela e outras coisas que me fazem bem. Aprendi crochê e testei várias receitas novas para o dia a dia. Resolvi fazer uma mega faxina e destralhar definitivamente essa casa. Quando tenho um tempinho e vontade eu faço, quando não estou disposta não me obrigo, simples assim. E agora só falta a cozinha e os ateliers... #oremos. Minha casa nunca esteve tão limpa e organizada e todos estão ajudando, que é como sempre deveria ter sido.

Também tenho tido um pouco mais de tranquilidade para rotinas de autocuidado, relaxamento e fortalecimento espiritual, o que tem sido o maior dos ganhos. Mas em alguns dias só retirei o pijama para tomar banho e trocar por outro pijama... Delícia! rsrsrsrsr

Espero que vocês também estejam tendo dias de paz e conseguindo passar por isso da melhor forma. Que tenhamos sabedoria e paciência até que tudo volte ao normal. Vamos fazer o que nos faz bem, o que é possível, atingível e saudável para cada um de nós. 

Beijos e ótima semana! ♥

7 comentários:

chica disse...

Adorei,Tays e de passo a passo chegaremos lá! Não podemos nos afobar, colocar tudo a perder .Desobediência ao presidente é minha palavra de ordem, pois assim seguramente estaremos nos cuidando! Adorei teu post, as fotos e ideias! bjs, linda semana! Passo a passo! chica

Bel Rech disse...

Olá Tays...Quanto tempo!? Pois então esse isolamento social, nos faz fazer muitas coisas junto com os filhos...Estou com um ainda em Pelotas...que não conseguiu sair de lá, até por ter renite.Então prefiro que fique por lá e não ter contato.Mas tudo passa!
beijos

Maria Teresa Valente disse...

Bom dia, Tays, gratidão pelo "Pequenos passos, avanços possíveis"!
Só hoje consegui chegar aqui, queria ler com calma e me surpreendi com a linda mensagem que nos enviou, cada vez te admiro mais pela paz que nos passa, embora reconheça que és de uma vitalidade e criatividade tão intensa, que dificilmente passarias por uma quarentena, mas estás se superando, PARABÉNS!
Deus abençoe e proteja a ti e a tua família, poderosamente!
Abraços carinhosos

Dani Serendi disse...

Tão bom vir aqui, ter vc de volta, te ler! Sua escrita é leve, sua narrativa é sempre sábia e nos traz paz! Concordo com vc, cada um tem que passar por isso da melhor forma, com equilíbrio emocional e se preservando. Amei, amei as fotos, como sempre vc aborda as coisas com cores e poesia, amo! Depois poste mais fotos pra nós!
Bjs e boa semana!

Adelaide Araçai disse...

Achei otima a definição de seguir a passos curtos....
Eu na realidade estou fazendo isso, não tenho pensado no futuro, e não estabeleci metas para alcançar nesse período. Tenho dado mais atenção ao blog e visitado mais os blogs amigos (coisa que fazia com mais frequencia e que com a correria parei de fazer), além disso o estar presente com meus familiares seja em ligações diaria ou mensagens é um tempo que não abro mão nunca, e agora ficou mais valioso ainda.
O momento é de #ficaremcasa e estamos cumprindo isso sem transformar em sacrificio físico, psiquico e emocional.
Adorei as fotos e o texto, perfeitos para o momento.

Muita Luz e Paz!
Abraços

Unknown disse...

Era tudo o que eu precisava ler hj!
Muita gratidão 🙏

Unknown disse...

Tays amei esse texto e as suas palavras que muito bem complementaram o post. Me chegou em muito boa hora,gratidão. Tentei achar o livro que vc citou, mas não consegui em nenguma loja online conhecida. Como você o adquiriu? A casa das chaves antigas/ Elena Mikhalkova. Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...